top of page
Buscar
  • Foto do escritorJoana Preto

Pele seca, descamativa e calosidades | quais os cuidados preventivos a ter, principalmente no verão?

Quando se aproxima o verão a preocupação com o cuidados da pele de uma forma geral é maior, mas principalmente com os pés, fruto do calçado mais fresco que se usa, mas também das condições envolventes. Refiro-me à época balnear, claro! A água salgada ou o cloro da piscina deixam a pele mais seca, mas o andar descalço na areia, terra e relva também a deixam a pele dos pés mais espessa e irregular. Por outro lado, durante o tempo frio os pés andam cobertos e acabamos por nos esquecer da importância de cuidar deles, verdade?


O cuidado da pele seca deve ser sempre preventivo, evitando estados de descamação e calosidades que podem causar prurido e desconforto, deixando a pele mais áspera e com atrito entre as superfícies. Assim sendo, acredito que faça sentido apostar na preparação da pele para esta altura do ano, melhorando e evitando os sintomas descritos.

Eu valorizo muito uma pele dos pés macia e hidratada, o que para mim é um desafio todo o ano, mas maior no verão pelos motivos mencionados.


Quais são os meus cuidados, e o que recomendo?


  1. Seja pelo calçado utilizado, pelo tipo de passada ou por alterações anatómicas do pé, muitas pessoas manifestam calosidades em determinadas zonas - as zonas de maior atrito. Eu não sou exceção, e o uso de socas de borracha não facilita. Por esse motivo tenho sempre no duche uma pedra pomes, mas que uso apenas quando os calcanhares e laterais dos pés começam a apresentar (novamente) calosidades.

  2. Também aproveito um dia por semana para realizar esfoliação corporal, no duche, e aproveito para a realizar nos pés também. No verão prefiro optar por um esfoliante de pés com um grão maior, pois sendo a pele dos pés mais espessa sinto que os resultados ficam aquém com um esfoliante de corpo. Contudo, o esfoliante de corpo é sempre a solução ideal para ajudar a afinar a pele dos joelhos e cotovelos!

  3. Evito andar descalça.

  4. Evito uso de água muito quente.

  5. Opto por usar cremes de pés, específicos, que contenham ureia e ácido láctico na sua composição, pois são os ingredientes que melhores resultados têm na minha pele. A ureia é um umectante, com capacidade de retenção de água; por sua vez o ácido láctico promove a esfoliação química através da "quebra" das ligações entre os corneócitos.

Em relação à pele dos joelhos e cotovelos tenho a sorte de a conseguir manter hidratada ao longo do ano, mas sei que a xerose e a queratose nestas zonas é bastante frequente. Nessas situações aconselho o uso de hidratantes, leves ou mais untuosos conforme o tipo e estado da pele, mas que contenham também ureia. Neste caso o objetivo da aplicação é mais localizado, mas caso tenha queratose pilar (frequente nas costas, braços e pernas), ou zonas com tendência para ter pêlos encravados, também poderá estender a aplicação do creme a essas zonas.


Descobri na gama XERIAL, da SVR, que provavelmente já conhece porque não é uma novidade da marca, a opção perfeita para o cuidado dos pés e para as zonas do corpo muito secas e descamativas.

A gama XERIAL Faz parte de um segmento de cuidados para pele seca, que se pode tornar descamativa e formar calosidades. A xerose é o nome técnico que se dá à condição de pele seca, e pode dever-se a diversas razões, e algumas delas dizem respeito a hábitos e cuidados pessoais, mas com muita frequência está relacionada com os tipos e estados de pele, havendo zonas do corpo com maior probabilidade de secar. Geralmente essas zonas são as mãos e os pés, nas palmas e plantas onde a pele é espessa e com menor número de glândulas sebáceas; mas também nos cotovelos, joelhos e até nos lábios.

Nota: Este artigo foi escrito em parceria com a SVR, mas baseia-se na minha opinião pessoal de uso dos produtos.


Existem vários produtos que são, na minha opinião, incríveis. Vou explicar porquê:


XERIAL 30 | creme de pés

Este produto é um 5 estrelas!

A sua textura é agradável de ser aplicada, pois apesar de ser um bálsamo espalha-se na pele como se fosse um gel. Este aspeto é de extrema importância pois ninguém quer escorregar nas próprias sandálias e fazer uma lesão no tornozelo, o que pode não acontecer quando e usam hidratantes demasiado untuosos nos pés! Aconselho a sua aplicação na hora de ir descansar, apenas porque garante que não há absorção pelo tecido das meias ou atrito com o calçado. Este produto não tem fragrância.


As recomendações da marca:

  • A percentagem de ureia (30%) confere ao produto uma capacidade queratolítica, além de hidratante. O pantenol confere propriedades reparadoras e a manteiga de karité propriedades hidratantes também;

  • Pode ser aplicado durante todo o ano, quer para melhoria da xerose quer para manutenção dos efeitos;

  • Não usar em crianças com menos de 3 anos.




XERIAL PEEL | esfoliante para pés em máscara

Este produto é um SOS!

Trata-se de cuidado para os pés para ser usado de forma espaçada dada a sua alta capacidade esfoliante. Além da ureia, com capacidade hidratante, o XERIAL PEEL tem uma complexo com efeito peeling de 15%, do qual faz parte o ácido láctico, conforme se lê lista INCI.

No verão os pés estão mais expostos ao sol, e a aplicação da proteção solar não se faz de forma tão fácil e tão natural quanto o resto do corpo. Seja pela areia nos pés, ou pelo calçado, há sempre uma barreira física que impede a reaplicação correta do protetor. Por esse motivo os pés estão mais sujeitos a escaldões, e por essa razão considero incrível que o complexo peeling da gama XERIAL esteja presente neste cuidado para se usar de forma espaçada, pelo menos com três meses de intervalo, evitando a sensibilização da pele dos pés. Limitação? O tamanho do invólucro que pode não ser suficiente para certos tamanhos de pés.


As recomendações da marca:

  • Introduzir os pés na no invólucro; a embalagem traz uns adesivos para ajudar a fixar o invólucro à pele, e assim poder estar durante uma hora sem a preocupação de queda acidental! Finalizada essa hora pode remover e lavar os pés. Não se esqueça de lavar também as mãos para eliminar qualquer resíduo do produto, que pode sensibilizar a pele;

  • Ao final do quarto ou do quinto dia a camada superficial da pele começa a destacar-se, revelando a pele subjacente renovada, mais macia e mais hidratada;

  • Não usar em crianças.






XERIAL 10 | leite hidratante antidescamação e antiprurido

Um leite hidratante específico para estados de pele descamativa!

Não esquecendo a pele do corpo, este é um creme fluido que confere hidratação, sendo preferido pela pele mais seca e descamariva. É também uma boa opção para a queratose pilar! Tem uma fragrância leve e agradável (é a minha opinião pessoal), é fluido e fácil de espalhar.


As recomendações da marca:

  • Pele xerótica, pele descamativa ou ictiose, pele com patologia deslipidante ou sujeita a tratamentos deslipidantes ou desidratantes requer hidratação continua e mantida, além do alívio do desconforto causado - prurido. Esta loção com 10% de ureia ajuda na hidratação da pele e na melhoria da descamação. O pantenol por sua vez confere propriedades reparadoras e manteiga de karité também ajuda na hidratação;

  • Pode ser usado em pele sensível;

  • Pode ser usado uma a duas vezes por dia;

  • Não usar em crianças com menos de 3 anos.






Onde encontrar a gama XERIAL? Por exemplo aqui!


Bons cuidados, porque a pele não espera!


Obrigada por ler!

Joana


Comentarios


bottom of page